Gelatina

Já há algum tempo que começou a ser divulgada a informação sobre as mudanças na embalagem da gelatina que nós utilizávamos cá em casa. Os ingredientes agora referem a possível presença de leite, ovo e glúten, que antes não existia.

Durante algum tempo continuei a comprar a embalagem antiga, tinha sempre stock em casa e não havia problema. Ainda admiti a hipótese de terem alterado apenas o rótulo, porque as normas para a rotulagem dos alimentos com indicação dos alergénios entraram em vigor o ano passado, e podiam ter feito a alteração por causa disso, mas sem alterar a composição do produto.

Resolvi comprar uma caixa das novas, fiz a gelatina e comi uma. Achei que havia ali qualquer coisa de diferente mal meti a colher na taça. As mães dos alérgicos têm fama de exageradas, mas a gelatina estava diferente. Recentemente, uma outra mamã alertou-me para a mesma situação. Utilizou uma das embalagens novas e constatou a diferença quando foi consumir.

Resumindo, não é seguro de todo continuar a utilizar a Alsa vegetal. A própria marca já respondeu por escrito que é desaconselhado o consumo por parte dos alérgicos. Deixo aqui a imagem das duas embalagens.

gelatina

Gelly_ja450x450_tcm154-406794

 

 

 

 

 

 

 

Com isto demos início a uma nova busca por gelatinas seguras no mercado.

Neste momento, tenho conhecimento de uma marca disponível no Intermarché, Cem Porcento, que é vegetal e o fabricante confirmou que não tem vestígios de alergénios. Para nós não resolve a situação, porque não está à venda aqui no Funchal. Fica a dica para as mamãs seguidoras do continente.

media

Depois informei-me com o fabricante da marca Amanhecer, que também respondeu que não existe risco de contaminação no processo de fabrico. Mas atenção, esta gelatina não é vegetal. Encontrei de morango, pêssego, ananás e tutti fruti.

Gelatina Morango

Vamos continuar a investigar, podem partilhar as vossas sugestões.

Deixe uma resposta